O Santuário da Peneda

FolhaPeneda-2

Santuário da Peneda

O Santuário de N.ª S.ª da Peneda foi erigido no século XIX e o acesso faz-se através do chamado escadório das virtudes, onde se encontram vinte pequenas capelas com as cenas da vida de Cristo.


FolhaPeneda-3
ilustracao_Peneda-1

A Lenda da Peneda

Reza a lenda que N.ª S.ª da Peneda se terá revelado a uma pastorinha, em forma de uma pomba, pedindo-lhe que, no local da sua aparição, fosse construído um santuário. Ninguém acreditou na menina, pelo que, alguns dias depois, N.ª S.ª apareceu novamente, já na forma que hoje se venera, pedindo-lhe que fosse a Roussas buscar uma mulher chamada Domingas Gregório que se encontrava entrevada há muito. Na presença da N.ª S.ª, a mulher enferma curou-se de imediato, o que levou os habitantes a construírem uma pequena ermida em sua honra e culto.

ilustracao_Peneda-2
ilustracao_Peneda-3

Reza uma outra lenda que, num dos caminhos dos peregrinos, perto da chã de Lamas de Mouro, vivia um temível lagarto que devorava homens e animais. Um dia, atacou uma fiadeira da Meadinha. Aterrorizada, a mulher agarrou na roca que levava à cintura e golpeou-o vigorosamente. O réptil transformou-se de imediato em pedra, pelo que o povo atribuiu a proeza a N.ª S.ª . Hoje em dia, a pedra em forma de réptil ainda lá está, na chamada Portela do Lagarto, e o penhasco que se ergue por detrás do Santuário chama-se Fraga da Meadinha. está, na chamada Portela do Lagarto, e o penhasco que se ergue por detrás do Santuário chama-se Fraga da Meadinha.

Diante do Santuário encontra-se o escadório das virtudes com estátuas que representam a Fé, a Esperança, a Caridade e a Glória.

ilustracao_Peneda-4-1
http://www.fastio.pt/wp-content/uploads/2018/02/FolhaPeneda-5.png http://www.fastio.pt/wp-content/uploads/2018/02/FolhaPeneda-6.png